search this blog

Outubro Rosa, pois também devemos nos cuidar.

15 outubro 2015



Olá meninas, desculpe, pela quinta passada, tive problemas com a minha digníssima internet, mais agora ACHO que já está tudo resolvido. Queria trazer esse assunto logo no inicio do mês, porém (...) O que queria dizer a todas é, que estamos no mês do outubro rosa, mais isso não significa que somente nesse mês devemos nos cuidar. Seja você uma mulher com mais de 40, ou uma menina com seus 15 anos. Sou meio leiga no assunto, mais a mamografia só pede ser feita em mulheres com mais de 30, 40 anos, porém nós jovens, podemos nos resguardar realizando a ultra mamária e outros exames, mais quanto mais cedo descobrir sobre, mais chances de cura temos. E eu sou super a favor desse exame, quem me conhece sabe e vocês brevemente saberão.

Hoje, venho na intenção de conscientizar todas as mulheres, independentemente da idade. É sempre bom estarmos de bem com o nosso corpo. Por isso resolvi falar sobre esse tema que muitas mulheres fogem, fogem mesmo que eu sei, por medo de descobrirem né?  Mais não devemos pensar assim, pois quanto mais rápido descobrirmos, mais chances temos de cura.


 Estamos no Outubro Rosa, mês marcado por ações do Ministério da Saúde e de diversos órgãos e entidades que intensificam os esforços pela detecção precoce do câncer de mama. São 31 dias dedicados a conscientização e ações sobre o tema, mostrando os avanços já conquistados e também o desafio para vencer o câncer que atinge um grande número de brasileiras por ano.

Câncer de Mama: Cuidar da sua saúde é um gesto de amor à vida.


As mamas de cada mulher possuem forma e consistências particulares. É também comum que uma das mamas seja maior que a outra ou que tenham formato diferentes. Quando a mulher conhece bem o seu corpo, ela consegue perceber mudanças nas mamas que são normais e devem ficar alerta para um sinal ou sintoma suspeito de câncer de mama.
As mulheres em idade reprodutiva costumam perceber desconforto, dor e nódulos nas mamas nos dias próximos à menstruação.  Essa mudança é normal, pois desaparece espontaneamente.
Ao olhar, palpar e sentir sua mama, procure ver se há alguma alteração que seja diferente do aspecto habitual que você conhece.
Se a alteração persistir, é recomendável fazer uma avaliação médica.
Quais alterações você deve procurar perceber e sentir?

·        Nódulo (caroço) ou espessamento (área mais endurecida) diferente do restante da mama. Essas são as alterações mais relacionadas ao câncer.
·         Mudança na pele da mama (retração ou aparência de "casca de laranja")
·        Saída espontânea de liquido do mamilo (bico do peito).
·        Vermelhidão ou mudança na posição ou formato do mamilo.
·        Nódulo no pescoço ou nas axilas (embaixo do braço).
( ESSES SINTOMAS NÃO NECESSARIAMENTE QUEREM DIZER QUE SEJA CÂNCER  POR ISSO, AO SURGIR ESSES SINTOMAS PROCURE LOGO O SEU MÉDICO)

Quando você deve fazer mamografia?

As alterações suspeitas da mama precisam ser investigadas em qualquer idade. A mamografia, porém, pode ser feita como exame de rotina por mulheres que não apresentem nenhuma alteração suspeita de câncer de mama. Neste caso, ele é chamada de mamografia de rastreamento e pode ajudar a descobrir o câncer em fase inicial.
A mamografia detecta melhor as alterações na fase após a menopausa, pois as mamas se tornam menos densas, isto é, composta por mais tecidos gorduroso do que glandular. É TAMBÉM nessa fase que se aumenta o risco do aparecimento do câncer de mama. 

E se for diagnosticado o câncer de mama?

Faça todos os tratamentos possíveis, sei que deve ser um momento difícil muito difícil, mais devemos ter em mente pensamentos positivos sempre. Quem é aqui do RIO, em Madureira estão realizando esse exame de graça, naqueles caminhões que ficam nas praças.

Não deixe que o MEDO tome conta de você.  Então cuide de você e da sua saúde, estamos combinadas assim ?


0 comentários:

Enviar um comentário

featured Slider

Show Sidebar (Default y )

Pinterest Gallery